3ª edição #CheckInDayRoo

Foto: Sayllon Ferreira

No último dia 09, eu tive o prazer de participar de mais uma edição do #CheckInDayRoo, promovido pela jornalista Titany Morais. O #CheckInDayRoo é um evento que reuniu alguns dos principais Digitais Influencers de Rondonópolis  em um tour por empresas que apostam na mídia digital e acreditam no trabalho dos instabloggers.

Nesta 3ª edição foram parceiros do evento Boutique Morena Flor, Ótica Vision, Comfort Hotel, Arquiteto e Urbanista Ayres Filho, Fernanda Matos Store, Studio Solariom, Armazém Maria Granel, Concessionária Domine Prime, Chieff, Avatim, o artista plástico Rafael Jonnier e as empresas nacionais Vult Cosmética e Havaianas.  Empresas e pessoas que reconhecem a força da mídia digital, especialmente a exercida pelos bloggers em seus perfis no instagram. Junto comigo, foram convidados a participar os influencers Guilherme Augusto, Heina Mattei, Lucas Campos e Juliana Vieira.

O evento teve início na Morena Flor, onde a proprietária Sarah Moreno nos recebeu com muito carinho e com um café da manhã delicioso preparado pelo Chef Luis Lima. Na boutique, a consultora de moda Françoase Orsi escolheu diferentes looks, conforme o perfil de cada blogger para que pudéssemos fotografar e eu amei o look escolhido para mim, moderno e com mistura de cores e tendências.

Nossa segunda parada foi na Ótica Vision onde a empresária Arleide, sempre muito simpática, nos deixou bem à vontade para escolher os nossos óculos de sol e armações de graus preferidos. Logo depois, fomos almoçar no Restaurante Jambu, no Comfort Hotel, onde fomos muito bem recebidos por Ana Flávia Galhardo e tivemos a oportunidade de saborear as delícias do Chef Ricardo. Durante o almoço fomos surpreendidos com os presentes da Avatim, Jonnier, Havaianas e Vult.

Logo após o almoço, ainda no Comfort, recebemos o convite da equipe Kasa & Construção para participar de mais uma edição da Mostra Kasa que acontece nos dias 25, 26 e 27/08, no Caiçara Tênis Club. Em seguida, tivemos a oportunidade de conhecer o talentosíssimo arquiteto e urbanista Ayres Filho que nos apresentou alguns dos seus projetos, como uma suíte de mais de 60 metros² divina, uma área gourmet linda, um consultório médico cheio de luxo e conforto e um dos prédios conceitos da construtora São Benedito, que é considerado um dos cartões postais da capital Cuiabá devido a sua beleza.

Após, fomos recebidos pela linda empresária Fernanda Matos, da Fernanda Matos Stores no Rondon Plaza Shopping, que nos esperava com deliciosos frisantes para brindarmos o sucesso que estava sendo o evento. Também na Fernanda Matos Store estava a proprietária do recém inaugurado Armazém Maria Granel, Juliana Poltronieri, que preparou pra gente uma deliciosa tábua de frios, oleoginosas e frutas secas.

Depois de um delicioso bate papo com a Fernanda e com a Juliana, seguimos para o Studio Solariom, que tem a frente a naturologa e instrutora de yoga Glaucia Vicentini. No studio, Gláucia nos ensinou técnicas de respiração e meditação e podemos relaxar um pouquinho e desconectar. Renovados, decidimos por esticar um pouco mais o evento e visitar o Armazém Maria Granel. Lá, a Juliana junto com sua sócia Nádia, nos recebeu com um vinho delicioso e mais delícias que são ofertadas no local.

Pra finalizar, a Juliana e Nádia nos presentearam com um kit Maria Granel e também fomos presenteados pela Chieff com um delicioso kit.

O caminho entre uma empresa e outra foi feito com o Jeep Renegade, cedido com muito carinho pela Domani Prime, um carro confortável, espaçoso e cheio de estilo. O talentoso fotógrafo Sayllon Ferreira registrou todos os momentos do nosso tour através de suas lentes.

O #CheckInDayRoo durou cerca de 12 horas e posso dizer que foi altamente proveitoso para o meu amadurecimento em minha nova atuação profissional, digital influencer. Por isso, só tenho a agradecer a jornalista e minha amiga pessoal Titany Morais pela oportunidade de participar mais uma vez.

 

 







* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!





Low Carb: a estratégia de emagrecimento que deu certo pra mim

Foto: Reprodução @cola_na_dy

Eu já falei pra vocês no post anterior sobre a Dieta Dukan, dieta que fiz em 2013 para perder 18kg, após ter alcançado meu maior peso. Hoje eu vou falar da Lowcarb, que não é uma dieta apenas, mas um estilo de vida e foi a estratégia que usei para eliminar os quilos ganhados durante minha segunda gestação.
Para isso, fiz um "bate-bola com a minha nutricionista Dafiny Dure, especialista na Lowcarb.
 
1 - O que é a dieta low carb?
Nutri: Gostaria que as pessoas entendessem que é UMA DIETA DE CARBOIDRATOS BONS, EMPREGADOS EM HORAS CORRETAS DE ALIMENTAÇÃO. Nada tem haver com uma dieta ZERO carboidratos.Eles são importantes fontes de energia para o corpo , o que acontece é o exagero do consumo de pães, doces e industrializados que o contém.
 
2 - Não seria mais uma dieta da moda?
Nutri: Sabe-se que o primeiro livro de dieta foi escrito em 1863 por Willian Banting, onde ele dizia que quando diminuiu o consumo, principalmente das batatas (carboidrato muito consumido naquela época na europa), ele sentiu uma grande perda da sua "corpulência". Detalhe, ele não era médico e muito menos da área da saúde. A partir daí, começou a se ter vários estudos, e um dos pioneiros para nossos modelos de deitas low carb de hoje, ao contrário do que se pensa, não é o Dr. Atikns, e sim Dr.Pennington que publicou um artigo em 1953 intitulado: " O tratamento da obesidade com dietas caloricamente irrestritas."
Então dizer que se trata de uma dieta da moda é na realidade dizer que o titulo da dieta "LOW-CARB " sim pode ser a moda e não a dieta em si.
 
 
3 - Muitos dizem ser uma dieta muito restrita? Você concorda?
Nutri: Para nosso modelo de pirâmide alimentar até concordo, pois ela se baseou em carboidratos para se ter saúde e longevidade e sabemos que não é bem assim. Quando se retira a quantidade exagerada de carboidratos e os industrializados nos sentimos restringidos, mas, na realidade, estamos reféns da indústria e esquecemos de nos alimentar de uma forma mais natural e saudável, utilizando o que a natureza nos proporciona de forma generosa como os legumes, verduras e frutas. Abrimos pacotinhos e garrafas o dia inteiro, esquecemos o que é descascar , cortar e cozinhar. Acho que fica como alerta a toda população o que na realidade é se alimentar, que vai muito além de suprir desejos! É alimentar o desejo sim, mas da alma, mas o corpo e as nossas células também! E nada melhor do qua as coisas que a nossa natureza nos dá para se ter essa nutrição por completo.
 
4 - Qualquer pessoa pode fazer a Lowcarb?
Nutri: Sim! Qualquer pessoa pode fazer low-carb, pois não é apenas uma dieta, mas sim pode ser adotado como um estilo de vida! Não cortamos os carboidratos , comemos os melhores então não vejo restrições, o que vejo hoje em dia são variações da low carb com objetivos específicos ( atletas, praticantes de atividades físicas, para doenças crônicas etc) que não se aplicam a população de forma geral.
 
5 - E se eu não quiser fazer lowcarb para o resto da vida, posso usar apenas como estratégia de emagrecimento?
Nutri: Sim, é uma ótima ferramenta de emagrecimento, porém, conselho da nutri: Não retroceda a ser aquilo de ruim que se foi! Lógico que ninguém vive em uma bolha, vai se ter festas ,reuniões de amigos, comemorações e você irá sim comer o que lhe vem " a telha" ,mas pense que é exceção a sua regra de vida! Assim fica mais fácil e prazeroso.
 
6 - Que dicas você dá pra quem quer fazer lowcarb, mas tem muita dificuldade em deixar de lado o costumeiro arroz e feijão do almoço e o pão do café da manhã?
Nutri: São as falácias do Low-Carb! Quem disse que não se pode comer nosso arroz e feijão de cada dia? Um complementa o outro e pode sim estar na faixa de low carb que seu nutricionista calcular, o problema é o exagero. Já o pão, sabemos hoje que a farinha branca é pobre em nutrientes e não acrescentará nada ao corpo a não ser o açúcar transformado em gordura. Porém, ele é amado e faz parte de nossa cultura, se não usado diariamente e está dentro das suas estratégias nutricionais não vejo grandes problemas. Tudo tem a dose para se tornar veneno e remédio! Dica da nutri: Consulte sempre profissionais habilitados. A dieta do seu amigo (a) não serve para você! A individualidade biologia é para ser levada a serio, e nós profissionais da saúde prezamos por isso. Informe-se de tudo que pretende fazer!
 
 
Dafiny Dure é Nutricionista Funcional,Fitoterapia e Suplementação. Ela atende na Academia Líder de Artes ou vai até a sua casa e/ou local de trabalho.


* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!



Dieta Dukan: a dieta que me fez emagrecer 18kg em menos de 5 meses

Foto: ARQUIVO Antes e depois da Dukan

Como prometi, hoje vou falar da dieta que fiz em 2013, para emagrecer quando cheguei ao meu maior peso (não estava grávida), a Dieta Dukan. Primeiro quero deixar claro que para a Dieta Dukan fazer efeito, é necessário ler o livro que ensina a mesma, que é o "Método Dukan Ilustrado" ou "Eu Não Consigo Emagrecer".

A dieta é composta por quatro etapas, que devem ser seguidas rigorosamente para ter efeito, e para cumprir cada etapa da maneira correta a leitura do livro é fundamental. Não é uma dieta fácil, já que no início é bem restrita, mas na terceira etapa isso vai mudando, pois fica mais semelhante à uma reeducação alimentar, comendo-se de tudo, mas com peculiaridades da Dukan. O melhor de tudo é que na dieta dukan não passamos fome, porque proteínas saciam demais.

As proteínas produzem corpos cetônicos, que são um inibidor natural do apetite. Sempre gosto de ressaltar que a Dieta Dukan não tem nada a ver com a Dieta da Proteína ou Atkins, afinal, na dukan ingerimos carboidratos em todas as fases, mas apenas carboidratos do bem que são fornecidos através de certos alimentos como o farelo de aveia, por exemplo, que é obrigatório na dieta.

Na Dukan come-se pão (receitas específicas da dieta), doces diet, legumes e verduras, cada tipo de alimento em sua fase. Muita gente tem preconceito por puro desconhecimento do método. O livro traz todos esses princípios e ainda receitas e cardápios para cada fase. Vale a pena. 

 


* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!



Como venci o sobrepeso

Hoje é dia de contar pra vocês como e quando iniciou a minha luta séria contra o sobrepeso. Eu que sempre fui magra e cheguei a ser apelidada de Olívia Palito na época da escola e tomar Mega Mass pra engordar, além de muito Biotônico Fontoura na infância, nunca imaginei que um dia teria que fazer dieta e mudar meus péssimos hábitos alimentares.
 

Em abril de 2011 tive o meu primeiro filho, o Arthur. Durante sua gestação engordei bastante, cerca de 19 a 20kg. Fui daquelas grávidas que comia por dois mesmo sabe. Vinha de uma série de lutas contra a balança para perder pouco peso, 3 a 5kg, mas para quem nunca tinha feito dieta na vida e mesmo assim tinha barriga chapada, não era fácil. Então, quando engravidei “fui a forra”.
 

Contudo, não demorei a perder peso depois de ter tido o Arthur. Ele mamava muito, e isso me ajudou. Mas, quando ele tinha apenas 9 meses, eu descobri estar grávida novamente. Apesar do susto, a notícia foi acolhida com muito carinho e amor, e lá estava eu comendo por dois outra vez. Infelizmente, perdi meu bebê, um aborto espontâneo e cheio de dores físicas e emocionais ocorreu e, silenciosamente, uma depressão tomou conta de mim. A comida virou o refúgio da minha dor. Comia para compensar minha tristeza pela perda.
 

Sem perceber, fui engordando. Na mesma época, desenvolvi uma forte alergia e tinha que tomar muito corticoide. Logo, mentia para mim mesma, inconscientemente, que estava apenas inchada. Durante todo esse tempo eu não me pesei, então realmente não tinha consciência do quanto estava acima do peso. Não sei explicar porque, mas não me via tão gorda no espelho.
 

Porém, as roupas pararam de servir. As roupas que havia usado em boa parte da gestação já estavam apertadas. Diante disso resolvi fazer um tratamento estético e foi aí que veio o susto. Na hora da avaliação precisei me pesar e descobri que estava 18kg acima do peso.
 

Lógico que eu fiquei desesperada. Notei que aquela mulher que sempre comeu de tudo, sem medo de engordar, precisaria fazer uma dieta séria pela primeira vez na vida. A partir daí eu comecei a pesquisar um monte de sites em busca de dicas para emagrecer. Mas ao ler a revista Boa Forma eu tive a grande sorte: descobri a Dieta Dukan.
 

Empolgada com as promessas da dieta narradas na matéria da revista e com pressa para emagrecer, eu comprei o livro “Eu Não Consigo Emagrecer” do Dr. Pierre Dukan, li com total atenção e comecei a famosa dieta da época.
 

Segui tudo à risca como mandava o livro. Fiz a dieta certinha, sem furar nem mesmo aos fins de semana, cheguei a ir em pizzaria e não comer pizza, fiquei só na salada, afinal tinha muita pressa para emagrecer, e valeu a pena. Em exatos 4,5 meses eu perdi 18kg.
 

Vale ressaltar, não recuperei esse peso como acontece com muitas pessoas, só engordei novamente na segunda gestação. Mas claro que houve uma mudança imensa de hábitos, até porque, apesar de estar magra, ainda não estava satisfeita com meu corpo, então permaneci com a reeducação alimentar e investi nas atividades físicas.
 

Uma coisa é importante dizer, se você tem problemas com sobrepeso, uma alimentação balanceada e exercícios físicos devem fazer parte da sua rotina, afinal, não existe dieta milagrosa que te faça ficar magra para o resto da vida, mesmo quando você para de fazer ela. Assim é com a Dieta Dukan, com a LowCarb (estratégia que usei para emagrecer após a segunda gestação e continuo usando para alcançar o corpo que quero agora – falarei dela em breve) e qualquer outra dieta. Não tem a sorte de comer a vontade e não engordar? Você precisa cuidar da sua alimentação e fazer atividade física. Até porque, não devemos apenas pensar na parte estética, mas, sobretudo na nossa saúde, e esses são dois pontos fundamentais para uma boa saúde.
 

Querem saber mais sobre a Dieta Dukan? Conto tudo para vocês em breve. Aguardem!


* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!



Dia de estreia

Foto: Sayllon Ferreira Heidy Lyana veste Morena Flor

Hoje é daqueles dias de escutar o coração bater sem ter que encostar no próprio corpo, dia de muita ansiedade, mas ao mesmo tempo uma felicidade imensa pela realização de um sonho: MEU BLOG ESTÁ NO AR! E pra começar, nada melhor do que contar um pouco de minha história pra vocês e de como eu cheguei até aqui... Tudo começou no início de 2013, quando finalmente minha ficha caiu que eu estava muito acima do peso. Desesperada para emagrecer, mas sem muitos recursos para isso, descobri que o instagram, um aplicativo novo na época, poderia me ajudar.

Eu tinha acabado de ler sobre a Dieta Dukan e decidido fazê-la, já estava lendo o livro do Dr. Pierre Dukan, quando descobri no instagram algumas meninas que já faziam a dieta e compartilhavam suas experiências, dicas e receitas. Comecei a segui-las e tive a ideia de usar o meu perfil como um diário alimentar para que eu pudesse ter um controle melhor do que estava comendo. Nessa época meu perfil era fechado, mal aceitava os amigos que pediam para me seguir, estava focada na dieta e no instagram meu único interesse era obter ajuda de graça para emagrecer e eu consegui! (Num próximo post falo mais detalhadamente sobre a dieta e meus resultados – minha primeira vitória contra o sobrepeso).

Quando finalmente perdi 18kg, eu resolvi fazer o que todas as outras meninas que eu seguia faziam também, postei um antes e depois meu: exatamente esse da foto. E foi aí que tudo começou, mesmo que sem nenhum tipo de pretensão.

O fato de ter conseguido perder tantos quilos em menos de 5 meses chamou a atenção de muita gente e, de repente, não parava de aparecer pessoas que eu nunca tinha visto na vida pedindo para me seguir. Cheguei a ficar receosa de aceitar, mas pensei: recebi tanta ajuda nessa rede social, agora chegou a minha vez de ajudar. Foi quando deixei minha conta pública e ela começou a crescer. Na mesma época, várias blogueiras fitness, que nem me conheciam, postaram o meu antes e depois como um exemplo de uma mãe que conseguiu perder peso, mesmo sem ajuda profissional.

Com isso, diariamente chegavam novos seguidores. Paralelamente, eu comecei a “inventar” receitas fit e postar. Outro fator que chamou a atenção das pessoas e fazia com que elas quisessem me seguir. Eu já havia emagrecido, mas como toda mulher, ainda não estava satisfeita com meu corpo. Então postava tudo que estava fazendo para alcançar o corpo que eu queria. Nesta época, não postava quase nada da minha vida pessoal e raramente postava uma foto minha, pois morria de vergonha, já que tinha tanta gente que eu não conhecia me seguindo. Durante anos, todas as postagens eram feitas por puro hobby e com a intenção de motivar outras pessoas a conseguir o que eu havia conseguido. Mas nunca havia pensado nisso como um trabalho, até porque eu tinha o meu emprego e estava contente com ele. Até que eu engravidei do meu segundo filho. Foi impossível não compartilhar aquela notícia tão maravilhosa no meu instagram e ao publicar senti um carinho tão grande por parte de pessoas que nunca vi, que me vi tentada a postar mais sobre mim e principalmente sobre aquele momento tão especial, minha segunda gestação.

Com isso, me vi cada vez mais envolvida com meus seguidores, outros assuntos foram surgindo, como moda e dicas de beleza que eu amo, e claro, maternidade. Ao acabar a minha licença maternidade eu fiquei desempregada, mas isso não foi motivo de tristeza para mim, pelo contrário, foi o empurrão que eu precisava para ir em busca de um sonho que foi surgindo ao longo do tempo, desde o boom da minha página no instagram. Ter o meu próprio BLOG. E passado alguns meses, aqui estou eu hoje, nesse espaço de um dos sites mais conceituados do Mato Grosso, começando a escrever uma nova história na minha carreira profissional. Sou grata a Deus por essa oportunidade e prometo dar o meu melhor para trazer a vocês o melhor conteúdo. Fiquem COLADINHOS em mim, que informações, dicas, receitas, novidades e muita motivação não faltarão por aqui. Beijos da Dy


* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!





Primeira Hora - 2017 © Todos os Direitos Reservados